Descreva:
INSCREVA-SE AGORA!
INSCRIÇÃO ONLINE





CURSOS 30% OFF e FORMAÇÕES 40% OFF


Descontos em Cursos
X
Combo Oracle DBA + Tuning
Combo Oracle DBA + Tuning
Carga Horaria 132 h Pretendo Fazer
-
PRÓXIMAS TURMAS PREVISTAS
07/01/17 - SÁBADOS - RJ
09/01/17 - NOTURNO - SP
06/02/17 - NOTURNO - SP
de R$ 10.950,00    (65% de desconto)
por R$ 3.832,00
12x de R$ 319,33 sem juros
Formas de Pagamento
  CONSULTE-NOS >
  INSCREVA-SE >

Conteúdo Programático:

Introdução ao Oracle SQL

Introdução:

  • Lista as principais características do banco de dados Oracle 10g; Fornece uma visão geral de: componentes, plataforma de internet, servidor de aplicações e suite do desenvolvedor; Descreve o banco de dados relacional e seus objetos; Apresenta o sistema de ciclo de vida de desenvolvimento; Descreve os diferentes modos de armazenamento de dados; Reve o conceito de banco de dados relacional; Define os termos de modelos de dados; Mostra como várias tabelas podem estar relacionadas. 

Recuperando dados usando a instrução SQL SELECT:

  • Define as terminologias PROJECTION, SELECTION e JOIN; Reve as sintaxes para instruções SQL SELECT básicas; Utilização dos operadores Aritméticos e de Concatenação em instruções SQL; Lista as diferenças entre o SQL e iSQL*Plus; Logando no banco de dados usando iSQL*Plus; Explica a interface iSQL*Plus; Categoriza os diferentes tipos de comandos iSQL*Plus; Mostra como salvar instruções SQL em arquivos de script. 

Restringindo e Classificando Dados:

  • Limitando linhas usando uma seleção; Usando a cláusula WHERE para recuperar linhas específicas; Usando as condições de comparação na cláusula WHERE; Use a condição LIKE para comparar valores literais; Lista as condições lógicas AND, OR, NOT; Descreve as regras de precedência para as condições mostradas nesta lição; Classificando linhas com a cláusula ORDER BY; Usando a substituição com "&" no iSQL*Plus para restringir e classificar dados em tempo de execução. 

Usando Functions de uma Única Linha para Personalizar Relatórios:

  • Mostra as diferenças entre funções SQL de uma única linha e de múltiplas linhas; Categoriza as functions de texto em caso de manipulação e os tipos de manipulação de texto; Mostra as funções de manipulação de texto nas cláusulas SELECT e WHERE; Explica como usar as funções de data (DATE) e funções numéricas; Use a função SYSDATE para recuperar a data atual no formato padrão; Apresenta a DUAL TABLE como meio para ver os resultados da função; Lista as regras para aplicar aos operadores aritméticos em datas; Mostra como usar os operadores aritméticos com datas na cláusula SELECT. 

Usando as Funções de Agrupamento (GROUP Functions):

  • Descreve e categoriza as funções de grupo; Usando as funções de grupo; Utilizando DISTINCT com functions de grupo; Mostra como valores nulos são tratados com functions de grupo; Criando grupos de dados com a cláusula GROUP BY; Agrupando os dados por mais de uma coluna; Evitando consultas inválidas com funções de grupo; Excluindo grupos de dados com a cláusula HAVING. 

Exibindo Dados de Múltiplas Tabelas:

  • Apresenta a sintaxe da cláusula JOIN para seleção de dados em tabelas, usando a sintaxe SQL 99; Renomenado tabelas para escrever códigos mais curtos e identificar colunas explicitamente contidas em várias tabelas; Utilizando a instrução SQL CROSS JOIN para produzir um produto cartesiano; Usando a cláusula NATURAL JOIN para recuperar dados de tabelas com as colunas de mesmo nome; Criando uma join com a cláusula USING para identificar colunas específicas entre tabelas; Criando um JOIN com a cláusula ON para recuperar informações de 3 tabelas; Lista dos tipos de OUTER JOINS: LEFT, RIGHT e FULL; Adicionando condições ao juntar tabelas com a cláusula AND. 

Usando SUB QUERIES para Resolver Consultas:

  • Mostra a sintaxe para SUB QUERIES em uma instrução SELECT com a cláusula WHERE; Lista as diretrizes para usar SUB QUERIES; Descreve os tipos de SUB QUERIES; Executa SUB QUERIES com única linha e mostra a função GROUP em uma SUB QUERIE; Identificando instruções inválidas com SUB QUERIES; Executando SUB QUERIES de múltiplas linhas; Analisa como os operadores ANY e ALL funcionam com SUB QUERIES de múltiplas linhas; Explica como valores nulos são tratados em SUB QUERIES. 

Utilizando os Operadores SET:

  • Usando o operador UNION para retornar todas as linhas de várias tabelas, eliminando linhas duplicadas; Usando o operador UNION ALL para retornar todas as linhas de várias tabelas; Descreve o operador INTERSECT; Usando o operador INTERSECT; Explicando o operador MINUS; Usando o operador MINUS; Mostra como utilizar do operador SET; Ordenando resultados ao usar o operador UNION. 

Manipulando Dados:

  • Escrevendo instruções INSERT para adicionar linhas a uma tabela; Copiando linhas de outra tabela; Criando instruções UPDATE para alterar dados em uma tabela; Gerando instruções DELETE para remover linhas de uma tabela; Usando um script para manipular dados; Salvando e descartando alterações em uma tabela através de processamento de transações; Mostrando como a READ CONSISTENCY trabalha; Descrevendo a instrução TRUNCATE. 

Usando Instruções DDL para Criar e Gerenciar Tabelas:

  • Lista os principais objetos de banco de dados e descrever as regras de nomeação para objetos de banco; Introduz o conceito de esquema (SCHEMA); Exibe a sintaxe básica para a criação de uma tabela e mostrar a opção DEFAULT; Explica os diferentes tipos de CONSTRAINTS; Mostra o que acontece quando CONSTRAINTS são violadas com instruções DML; Criando uma tabela com uma SUB QUERIE; Descreve a funcionalidade ALTER TABLE; Remove uma tabela com a instrução DROP e renomea uma tabela. 

Criando outros SCHEMA OBJECTS:

  • Lista os principais objetos de banco de dados e descreve as regras de nomeação para objetos de banco; Introduz o conceito de esquema (SCHEMA); Exibe a sintaxe básica para a criação de uma tabela e mostrar a opção DEFAULT; Explica os diferentes tipos de CONSTRAINTS; Mostra o que acontece quando CONSTRAINTS são violadas com instruções DML; Criando uma tabela com uma SUB QUERIE e removendo uma tabela com a instrução DROP; Descreve a funcionalidade ALTERTABLE; Renomeando uma tabela. 

Gerenciando Objetos com DATA DICTIONARY VIEWS:

  • Descreve a estrutura de cada um dos DATA DICTIONARY VIEWS; Lista o propósito de cada um dos DATA DICTIONARY VIEWS; Criando consultas que recuperem informações dos DICTIONARY VIEWS sobre SCHEMA OBJECTS. 

Controlando o Acesso de Usuários:

  • Controlando o acesso do usuário; Sistema versus privilégios de objetos; Criando sessões do usuário e concedendo privilégios de sistema; Usando papéis (ROLES) para definir grupos de usuários; Criando e garantindo (GRANTING) privilégios para um papél (ROLE); Concedendo (GRANTING) e revogando (REVOKING) privilégios de um objeto; Alterando sua senha; Usando LINKS entre Banco de Dados. 

Gerenciando objetos de esquema (SCHEMA OBJECTS):

  • Criando de diretórios; Criando e consultando tabelas externas; Criando Tabelas Organizadas por Índice; Criando índices baseados em função; Eliminando colunas; Alterando a estrutura de tabelas e adicionando CONSTRAINTS; Executando a instrução FLASHBACK; Visão geral sobre MaterializedViews. 

Manipulando Grandes Conjuntos de Dados:

  • Usando a instrução MERGE; Executando instruções DML com SUB QUERIES; Executando instruções DML com uma cláusula RETURNING; Utilização da instrução INSERT com múltiplas tabelas; Controlando alterações no DML. 

Gerando Relatórios Agrupando Dados:

  • Apresentação da cláusula GROUP BY e da cláusula HAVING; Agregando dados com os Operadores ROLLUP e CUBE; Determinando grupos de subtotais usando funções de agrupamento; Calculando vários agrupamentos com GROUPING SETS; Definindo níveis de agregação com COMPOSITE COLUMNS; Criando combinações com agrupamentos concatenados. 

Gerenciando Dados em Diferentes Fusos Horários (TIME ZONES):

  • FUSO HORÁRIO (TIME ZONES); Oracle9i, Support a datas e horas; Operações de conversão. 

Pesquisando Dados Usando SUB QUERIES Avançadas:

  • Apresentação de SUB QUERIE; Usando uma SUB QUERIE; Comparando diversas colunas usando SUB QUERIE de múltiplas colunas; Definindo uma fonte de dados usando uma SUB QUERIE na cláusula FROM; Retornando um valor usando expressões com SCALAR SUB QUERIE; Executando um processamento linha a linha com SUB QUERIEs correlacionadas; Reutilizando blocos de consulta usando a cláusula WITH. 

Recuperação de Dados Hierárquicos:

  • Amostra de Dados da Tabela EMPLOYEES; Estrutura de árvore dos dados dos empregados; Consultas Hierárquicas; Classificando Linhas com LEVEL; Formatação hierárquica de relatórios com o uso de LEVEL e LPAD; Filtrando filiais com a clásula WHERE e a cláusula CONNECT BY. 

Suporte a REGULAR EXPRESSION e CASE INSENSITIVE:

  • Visão do suporte a REGULAR EXPRESSION; Descrevendo padrões simples e complexos para pesquisa e manipulação de dados.

Programando com PL/SQL

Introdução ao Código PL/SQL:

  • O que é PL/SQL; Ambiente PL/SQL; Vantagens do código PL/SQL; Visão geral dos tipos de blocos PL/SQL; Criando e executando um bloco anônimo simples; Gerando saída a partir de um bloco PL/SQL; iSQL*Plus como ambiente de programação PL/SQL. 

Declarando Identificadores PL/SQL:

  • Fazendo a distinção entre os diferentes tipos de identificadores em um subprograma PL/SQL; Usando a seção declarativa para definir identificadores; Listando os usos de variáveis; Armazenando dados em variáveis; Declarando variáveis PL/SQL. 

Criando Instruções Executáveis:

  • Descrevendo diretrizes básicas de sintaxe de bloco; Usando literais em códigos PL/SQL; Personalizando designações de identificador com funções SQL; Usando blocos aninhados como instruções; Fazendo referência a um valor de identificador em um bloco aninhado; Qualificando um identificador com um label; Usando operadores em códigos PL/SQL; Usando as diretrizes e a sintaxe de bloco PL/SQL adequadas. 

Interagindo com o Oracle Server:

  • Identificando as instruções SQL que podem ser usadas em códigos PL/SQL; Incluindo instruções SELECT em códigos PL/SQL; Recuperando dados em códigos PL/SQL com a instrução SELECT; Usando convenções de nomeação para evitar erros ao criar instruções DML e realizar operações de recuperação; Manipulando dados no servidor com códigos PL/SQL; O conceito de cursor SQL; Usando atributos do cursor SQL para obter feedback de códigos DML; Salvando e descartando transações. 

Criando Estruturas de Controle:

  • Controlando o fluxo de execução de códigos PL/SQL; Processamento condicional com instruções IF; Processamento condicional com instruções CASE; Tratando valores nulos para evitar erros comuns; Criando condições booleanas com operadores lógicos; Usando controle iterativo com instruções em loop. 

Trabalhando com Tipos de Dados Compostos:

  • Conhecendo os tipos de dados compostos de tabelas e registros PL/SQL; Usando registros PL/SQL para armazenar valores de diferentes tipos; Inserindo e atualizando com registros PL/SQL; Usando tabelas INDEX BY para armazenar valores do mesmo tipo de dados. 

Usando Cursores Explícitos:

  • Loops FOR de cursor usando subconsultas; Aumentando a flexibilidade de cursores com parâmetros; Usando a cláusula FOR UPDATE para bloquear linhas; Usando a cláusula WHERE CURRENT para fazer referência à linha atual; Usando cursores explícitos para processar linhas; Atributos de cursores explícitos; Cursores e registros. 

Tratando Exceções:

  • Tratando exceções com PL/SQL; Exceções predefinidas; Interceptando erros não predefinidos do Oracle Server; Funções que retornam informações sobre as exceções encontradas; Detectando exceções definidas pelo usuário; Propagando exceções; Usando o procedure RAISE_APPLICATION_ERROR para reportar erros em aplicações. 

Criando Procedures Armazenados:

  • Descrevendo a estrutura de blocos usada em procedures PL/SQL armazenados; Chamando funções/procedures armazenados a partir de diferentes ferramentas; Chamando um procedure armazenado com variáveis de host a partir de Java, C, iSQL*Plus, Forms etc.; Chamando um procedure armazenado a partir de um bloco anônimo ou de outro procedure armazenado; Listando a sintaxe CREATE OR REPLACE PROCEDURE; Identificando as etapas de desenvolvimento para a criação de um procedure armazenado; Usando o comando SHOW ERRORS; Verificando o código-fonte na view de dicionário USER_SOURCE. 

Criando Funções Armazenadas:

  • Descrevendo funções armazenadas; Listando a sintaxe CREATE OR REPLACE FUNCTION; Identificando as etapas para criar uma função armazenada; Executando uma função armazenada; Identificando as vantagens de utilizar funções armazenadas em instruções SQL; Identificando as restrições para chamar funções a partir de instruções SQL; Removendo uma função. 

Criando Packages:

  • Listando as vantagens dos packages; Descrevendo packages; Mostrando os componentes de um package. Mostrando as estruturas que formam um package; Desenvolvendo um package; Criando a especificação do package; Declarando estruturas públicas; Criando o packagebody. 

Usando Mais Conceitos de Package:

  • Listando as vantagens do recurso de overloading; Mostrando um exemplo de overloading; Usando declarações Forward em packages; Criando um procedure que será usado uma única vez (inicialização do código do package); Listando as restrições para funções de packages usadas em códigos SQL; Encapsulando código em uma demonstração de package; Chamando funções de packages definidas pelo usuário em uma instrução SQL; Utilizando o estado persistente de variáveis de package. 

Utilizando os Packages Fornecidos pelo Oracle no Desenvolvimento de Aplicações:

  • Listando os diversos usos dos packages fornecidos pelo Oracle; Reutilizando o código incluído no package para concluir diversas tarefas do desenvolvedor e do DBA.; Usando o comando DESCRIBE para verificar especificações de package e ocorrências de overloading; Explicando como funciona o package DBMS_OUTPUT (em conjunto com SET SERVEROUPUT ON); Interagindo com arquivos do sistema operacional usando o package UTL_MAIL; Descrevendo o processamento de arquivos com o package UTL_FILE; Verificando exceções e rotinas do package UTL_FILE; Usando o package UTL_FILE para gerar um relatório em um arquivo. 

Código SQL Dinâmico e Metadados:

  • Descrevendo o uso do código SQL dinâmico nativo; Descrevendo o fluxo de execução de instruções SQL; Mostrando a sintaxe da instrução EXECUTE IMMEDIATE para código SQL dinâmico nativo; Criando um procedure para gerar código SQL dinâmico nativo usando a instrução EXECUTE IMMEDIATE para deletar linhas de uma tabela; Descrevendo o package DBMS_SQL; Fornecendo um exemplo de DBMS_SQL; Listando as vantagens da utilização do código SQL dinâmico nativo em vez do package DBMS_SQL. 

Considerações de Projeto para Códigos PL/SQL:

  • Padronizando constantes com um package de constantes; Padronizando exceções com um package de tratamento de exceções; Apresentando subprogramas locais; Usando subprogramas locais; Rastreando erros de runtime com um package de exceções; Descrevendo a hint de compilador NOCOPY; Usando a hint de compilador NOCOPY; Explicando os efeitos da hint NOCOPY. 

Gerenciando Dependências:

  • Definindo objetos dependentes e referenciados; Diagramando dependências com código, views, procedures e tabelas; Gerenciando dependências locais entre um procedure, uma view e uma tabela; Analisando um cenário de dependências locais; Exibindo dependências diretas com a view USER_DEPENDENCIES; Executando o script UTL_DTREE.SQL para criar objetos que permitem verificar dependências diretas e indiretas; Prevendo os efeitos de alterações em objetos dependentes. 

Manipulando LOBs (LargeObjects):

  • Descrevendo um objeto LOB; Diagramando os componentes de um LOB; Gerenciando e listando as características de LOBs internos; Descrevendo, gerenciando e protegendo BFILES; Criando e usando o objeto DIRECTORY para acessar e usar BFILES; Preparando BFILEs para uso; Usando a função BFILENAME para carregar BFILEs; Descrevendo o package DBMS_LOB. 

Criando Triggers:

  • Descrevendo os diversos tipos de triggers e as formas de executá-los; Listando as vantagens dos triggers de banco de dados e as diretrizes para sua utilização; Utilizando um exemplo de trigger de banco de dados básico para mostrar como os triggers são executados; Criando triggers DML, mostrando sua sintaxe e listando seus componentes; Explicando a seqüência de acionamento de triggers; Criando uma instrução DML e triggers em nível de linha; Usando os qualificadores OLD e NEW para fazer referência a valores de colunas; Usando predicados condicionais com triggers. 

Aplicações de Triggers:

  • Criando triggers para os seguintes eventos DDL: CREATE, ALTER e DROP; Criando triggers para os seguintes eventos de sistema: SERVERERROR, STARTUP, SHUTDOWN, LOGON e LOGOFF; Definindo uma tabela mutante; Descrevendo cenários de aplicações de negócios para implementar triggers; Descrevendo os privilégios necessários para gerenciar triggers. 

Compreendendo e Influenciando o Compilador PL/SQL:

  • Listando as características da compilação nativa; Descrevendo as características do compilador PL/SQL no Oracle Database 10g; Identificando os três parâmetros usados para influenciar a compilação (PLSQL_CODE_TYPE, PLSQL_DEBUG, PLSQL_OPTIMIZE_LEVEL); Mostrando como definir os parâmetros; Descrevendo a view de dicionário usada para ver a compilação do código (USER_PLSQL_OBJECTS); Alterando as definições de parâmetros, recompilando o código e verificando os resultados; Descrevendo a infra-estrutrura de advertências do compilador no Oracle Database 10g; Listando as etapas a serem seguidas para definir os níveis de advertência do compilador.

Administração Workshop I

Introdução (Arquitetura do Banco de Dados):

  • Explicar os objetivos do curso; Apresentar a arquitetura do Banco de Dados Oracle 11g.. 

Instalando o Software do Banco de dados Oracle 11g:

  • Apresentar as tarefas básicas do administrador de bancos de dados; Identificar requisitos do sistema; Usar a OFA (OptimalFlexibleArquitecture); Instalar o software com o Oracle Universal Installer (OUI).

Criar um Banco de Dados Oracle:

  • Descrever a Arquitetura de Bancos de Dados Oracle; Informações Básicas sobre a arquitetura de instâncias; Usar o framework de gerenciamento; Usar o DatabaseCreationAssistant. 

Interfaces de Banco Dados:

  • Usar a linguagem SQL (Structured Query Language); Usar a Linguagem PL/SQL (Procedural Language/Structured Query); Usar Java; Usar a OCCI (Oracle C++ Call Interface). 

Controlando o banco de dados:

  • Iniciar e interromper o agente; Iniciar e interromper a console de banco de dados do enterprise manager; Iniciar e interromper o listener; Inicializar e fazer shutdown do banco de dados. 

Estrutura de armazenamento:

  • Definir o objetivo de tablespaces e arquivos de dados; Criar tablespaces; Gerenciar tablespaces; Obter informações sobre tablespaces; Criar e gerenciar tablespaces utilizando o recurso OMF (Oracle Managed Files). 

Administrando usuários:

  • Criar e gerenciar contas de usuário do banco de dados; Criar e gerenciar atribuições; Conceder e revogar privilégios com os comandos Grant e Revoke; Controlar o uso de recursos do por parte dos usuários. 

Gerenciando Objetos de Esquema:

  • Criar e modificar tabelas; Definir constraints; Exibir os atributos de uma tabela; Exibir o conteúdo de uma tabela; Criar índices e views. 

Gerenciando Dados:

  • Manipulando dados com código SQL; Usando o Recurso Import; Usando o Recurso Export; Usando o SQL Loader. 

PL/SQL:

  • Identificar objetos PL/SQL; Conceitos básicos sobre triggers e disparando eventos; Identificar opções de configuração que afetam o desempenho de instruções PL/SQL. 

Segurança do Banco de Dados Oracle:

  • Aplicar o principal dos privilégios mínimos; Gerenciar contas do usuário default; Implementar recursos de segurança de senha padrão; Atividade de auditoria do banco de dados. 

Oracle Net Services:

  • Conceitos Básicos do Oracle Net Services; Usar o Oracle Net Manager para criar e configurar listeners; Uso utilitário de controle de listener para controlar o Oracle Net Listener; Usar o Oracle Net Manager para configurar conexões clientes e de camada intermediária; Usar o TNSPING para testar a conectividade do Oracle Net. 

Servidor Compartilhado Oracle:

  • Quando usar Servidores Compartilhados Oracle; Configurar Servidores Compartilhados Oracle; Monitorando Servidores Compartilhados. 

Monitoramento de Desempenho:

  • Diagnosticar e solucionar objetos inválidos e não utilizáveis; Reunir estatísticas do otimizador; Verificar estatísticas de desempenho; Reagir a problemas de desempenho. 

Manutenção Pró-ativa: Objetivos:

  • Definir limites para advertências e alertas críticos; Reunir e usar métricas de linha de base; Usar advisors de ajuste e diagnóstico; Usar o ADDM (AutomaticDatabaseDiagnostic Monitor; Gerenciar o Repositório Automático de Carga de Trabalho. 

Gerenciamento de Undo:

  • Monitorar e administrar operações de undo; Configurar a retenção de undo; Garantir a retenção de undo; Use o advisor de undo. 

Monitorando e Resolvendo Conflitos de Bloqueio:

  • Detectar e resolver conflitos de bloqueio; Gerenciar deadlocks. 

Conceitos de Backup e Recuperação:

  • Descrever os princípios básicos de backup, restauração e recuperação de bancos de dados; Listar os tipos de falhas que podem ocorrer em um Banco de Dados Oracle; Descrever as formas de ajustar a recuperação de instâncias; Identificar a importância de checkpoints, arquivos de redo log e arquivos de log arquivados; Configurar o modo ARCHIVELOG. 

Backups de bancos de dados:

  • Criar backups consistentes do banco de dados; Faça backup do seu banco de dados sem fazer shutdown; Criar backups incrementais; Automatizar backups de bancos de dados; Monitorar a área de recuperação flash. 

Recuperação de Bancos de Dados:

  • Recuperação de um arquivo de controle perdido; Recuperação de um arquivo de redo log perdido; Recuperação de um arquivo de dados perdido. 

Executando Flashback:

  • Apresentação do Flashback database; Restore do conteúdo de uma tabela de um ponto específico do passado com Flashback Table; Recupração de uma droppedtable; Visualização do conteúdo do database em qualquer ponto do tempo com Flashback Query; Veja versões de uma linha no passado com Flashback Versions Query; Veja o histórico das transações de um registro com Flashback Transaction Query. 

Movendo Dados:

  • Apresentação dos vários modos de mover dados; Criando e utilizando um diretório de objetos; Usando SQL*Loader para importar dados de um bando de dados não-Oracle (ou arquivo); Apresentação da arquitetura do Data Pump; Uso do Data PumpExportandImport para mover dados entre bases de dados Oracle; Uso de tabelas externas para mover dados através de arquivos de plataforma independente.

Administração Workshop II

Introdução:

  • Computação em Grade; Controles do Produto Oracle Enterprise Manager 11g; Revisão da Arquitetura do Banco de Dados. 

Configurando o Recovery Manager:

  • Recursos e Componentes do Recovery Manager; Usando uma Área de Recuperação Flash com o RMAN; Configurando o RMAN; Backups Automáticos do Arquivo de Controle; Políticas de Retenção e Alocação de Canais; Usando o Recovery Manager para estabelecer conexão com um banco de dados de destino no modo default NOCATALOG; Exibindo as definições atuais do RMAN; Alterando a política de retenção de backup para um banco de dados. 

Usando o Recovery Manager:

  • Visão Geral dos Comandos do RMAN; Paralelização de Conjuntos de Backup; Backups Compactados; Cópia-Imagem; Backups Completos e Incrementais do Banco de Dados; Comandos LIST e REPORT; Habilitar o modo ARCHIVELOG para o banco de dados; Usar o Recovery Manager. 

Oracle Secure Backup:

  • Instalação e Configuração; Implementar a estratégia sugerida pela Oracle; RMAN e Oracle Secure Backup; Backup/restauração em fita de arquivos do banco de dados e do sistema de arquivos; Usando o obtool e a interface Web para configurar dispositivos do Oracle Secure Backup (CLI/GUI); Configurando o EM para o Oracle Secure Backup e para backup de teste em fita (EM); Usando o RMAN para fazer backup do banco de dados em fita (CLI); Usando a ferramenta Web OB para fazer backup dos arquivos do sistema de arquivos. 

Recuperação de Perdas Não Críticas:

  • Recuperação de Arquivos Não Críticos; Criando Novos Tablespaces Temporários; Recriando Arquivos de Redo Log, Tablespaces de Índice e Índices; Recuperação de Tablespaces Somente para Leitura; Métodos de Autenticação para Administradores de Bancos de Dados; Perda do Arquivo de Autenticação de Senha; Criando um novo tablespace temporário; Alterando o tablespace temporário default de um banco de dados. 

Recuperação Incompleta:

  • Etapas da Recuperação; Comandos de Recuperação Gerenciada pelo Servidor e pelo Usuário; Recuperando um Backup Automático do Arquivo de Controle; Criando um Novo Arquivo de Controle; Visão Geral da Recuperação Incompleta; Melhores Práticas da Recuperação Incompleta; Recuperação Simplificada com RESETLOGS; Recuperação pontual usando o RMAN. 

Flashback:

  • Arquitetura do Flashback de Banco de Dados; Configurando e Monitorando o Flashback de Banco de Dados; Backup da Área de Recuperação Flash; Usando V$FLASH_RECOVERY_AREA_USAGE; Considerações sobre o Flashback de Banco de Dados; Usando a Interface de Flashback de Banco de Dados do RMAN; Usando a Interface de Flashback de Banco de Dados do EM; Gerenciando e monitorando operações de Flashback de Banco de Dados. 

Lidando com Bancos de Dados Danificados:

  • Sintomas de Danos em Bloco de Dados: ORA-1578; Utilitário DBVERIFY e comando ANALYZE; Parâmetro de inicialização DB_BLOCK_CHECKING; Verificação e Dump de Metadados de Segmentos; Usando o Flashback para Danos Lógicos e usando o DBMS_REPAIR; Recuperação de Mídia de Bloco; Interface BMR do RMAN; Fazendo Dump e Verificando Metadados de Segmentos. 

Monitorando e Gerenciando a Memória:

  • Estruturas de Memória Oracle; Gerenciamento Automático da Memória Compartilhada; Princípios do Ajuste da SGA; DatabaseControl e Gerenciamento Automático da Memória Compartilhada; Comportamento dos Parâmetros Auto-ajustáveis e Manuais da SGA; Redimensionando o Parâmetro SGA_TARGET; Recursos de Gerenciamento da PGA; Usando o MemoryAdvisor. 

Gerenciamento Automático de Desempenho:

  • Identificando Componentes Ajustáveis; Eventos de Espera Oracle e Estatísticas do Sistema; Diagnóstico e Solução de Problemas e Ajuste de Views; Associação Direta à SGA para Coleta de Estatísticas; WorkloadRepository; Advisory Framework; Dicas de Uso e Cenários de ADDM; Usando o SQL TuningAdvisor e o SQL Access Advisor. 

Monitorando e Gerenciando o Armazenamento I:

  • Estruturas de Armazenamento de Banco de Dados; Visão Geral do Gerenciamento de Espaço; OMF (Oracle Managed Files); Migração e Encadeamento de Linhas; Monitoramento Pró-ativodeTablespaces; Gerenciando a Alocação de Espaço Retomável; Tablespace SYSAUX; Monitorando o uso do espaço de tabela e de índice. 

Monitorando e Gerenciando o Armazenamento II:

  • Gerenciamento Automático de Undo; Arquivos de Redo Log; Tipos de Tabelas; Tabelas Particionadas; IOTs (Tabelas Organizadas por Índice); Gerenciando o espaço de índice com o SQL; Configurar o tamanho ideal do arquivo de redo log; Verificar o Ajuste Automático da Retenção de Undo. 

ASM (AutomaticStorage Management):

  • Arquitetura Geral e Funcionalidades do ASM; Adições de Views Dinâmicas de Desempenho; Gerenciando uma Instância ASM; Grupos de Discos ASM; Usando a Linha de Comandos asmcmd; Migrando o Banco de Dados para o Armazenamento do ASM; Criando uma instância ASM em um Oracle Home separado; Migrando um tablespace para usar o armazenamento do ASM. 

Suporte a VLDB:

  • Criando Tablespaces para Arquivos Grandes; Alterações em pacotes e dicionário de dados para suporte a VLDB; Criando e mantendo TTGs (grupos de tablespaces temporários); Particionamento e Índices Particionados; Ignorando índices inutilizáveis; Criando e usando índices globais particionados por hash; Log de Erros DML; Interpretando ROWIDs de Arquivos Grandes. 

Gerenciando Recursos:

  • Configuração e Conceitos do DatabaseResource Manager; Criando um Novo Plano de Recursos; Mecanismo do Pool de Sessões Ativas; Tempo Máximo de Execução Estimado; Criando um Plano Complexo; Administrando e Monitorando o Resource Manager; Diretivas do Plano de Recursos; Criando Grupos de Consumidores de Recursos. 

Automatizando Tarefas com o Scheduler:

  • Conceitos do Scheduler; Criando uma Classe de Job e um Intervalo; Gerenciando Jobs, Programas, Cadeias, Eventos, Programações e Prioridades; Exibindo e Expurgando Logs de Jobs; Criando um programa e uma programação; Criando um job que usa um programa e uma programação; Alterando o programa e a programação do job e observando a mudança de comportamento desse job; Monitorando execuções de jobs. 

Segurança do Banco de Dados:

  • Virtual Private Database: Visão Geral; Criando uma Política em Nível de Coluna; Gravando uma Função de Política; Tipos de Políticas; VPD em nível de coluna com mascaramento de coluna; Criptografia Transparente de Dados; Definindo a senha do listener; Implementar o VPD. 

Movimentação de Dados:

  • Conceitos de Tabelas Externas; Criando um Objeto de Diretório e uma Tabela Externa; Data Pump; Banco de Dados de Transporte; Comando RMAN CONVERT DATABASE; Transportar Tablespace; Criar um Objeto de Diretório; Criar uma Tabela Temporária. 

Usando o Suporte à Globalização:

  • Recursos do Suporte à Globalização; Esquemas de Codificação; Conjuntos de Caracteres de Banco de Dados e Conjuntos de Caracteres Nacionais; Especificando um Comportamento Dependente do Idioma; Variantes de Definições Locais; Usando Classificação e Comparação Lingüística; Conversão de Dados entre Conjuntos de Caracteres de Cliente e Servidor; Determinando as Definições de NLS Default. 

Workshop:

  • Metodologia, requisitos e configuração do Workshop; Cenário 1: Desempenho do banco de dados; Cenário 2: Localizando e Ajustando um SQL Ineficiente; Cenário 3: Gerenciamento da SGA - REDO; Cenário 4: Falta de Espaço de Undo; Cenário 5: Arquivo de dados ausentes; Cenário 6: Gerenciando espaço em um tablespace - REDO; Cenário 7: Arquivo de dados TEMP ausente.

SQL Tuning Workshop

1. Arquitetura do Banco de Dados Oracle - Visão Geral

  • Conceito de instância. 
  • Conectando-se a uma instância. 
  • Estruturas de memória de uma instância. 
  • Database Buffer Cache. 
  • Redo Log Buffer. 
  • Shared Pool. 
  • Processamento de um comando DML. 
  • Processamento do comando COMMIT. 
  • Large Pool, Java Pool e Streams Pool. 
  • PGA. 
  • Processos de background da instância. 
  • ASMM. 
  • AMM. 
  • Estruturas físicas e lógicas do banco de dados. 
  • Segmentos, Extensões e Blocos. 
  • Tablespaces SYSTEM e SYSAUX. 

2. Introdução ao Tuning de SQL

  • Razões para a baixa performance de um comando SQL. 
  • Exemplos de comandos ineficientes. 
  • Ferramentas para monitoramento de performance. 
  • As tarefas relacionadas ao tuning de SQL. 
  • CPU Time e Wait Time. 
  • Escalabilidade no desenvolvimento de aplicações. 
  • Erros comuns nos sistemas aplicativos. 
  • Metodologia de tuning. 
  • Simplicidade no projeto da aplicação. 
  • Modelagem dos dados. 
  • Projeto das tabelas. 
  • Projeto do índices. 
  • Usando views. 
  • Compartilhando cursores. 

3. Introdução ao Optimizer

  • Fases do processamento de um comando SQL. 
  • Razão da existência do Optimizer. 
  • Otimização durante a fase de Parse. 
  • A transformação de comandos SQL. 
  • Exemplos.
  • Optimizer baseado em custo. 
  • Estimando a seletividade. 
  • Estimando a cardinalidade. 
  • Estimando o custo. 
  • Geração do Plano de Execução. 
  • Controlando o comportamento do Optimizer. 

4. Operadores do Optimizer

  • Estruturas principais e formas de acesso às tabelas. 
  • FTS-Full Table Scan. 
  • Casos de uso do FTS. 
  • Acesso pelo ROWID. 
  • Visão geral sobre índices. 
  • Indices B-tree. 
  • Tipos de Index Scan. 
  • Operação AND-EQUAL. 
  • Indices B-tree e NULL values. 
  • IOT-Index Organized Tables. 
  • IOT Scans. 
  • Indices tipo Bitmap. 
  • Exemplos de uso dos indices bitmap. 
  • Operações Bitmap. 
  • Indice do tipo Bitmap Join. 
  • Indices compostos. 
  • Indices invisíveis. 
  • Regras gerais para gestão de índices. 
  • Monitorando o uso dos índices. 
  • Cluster. 
  • Quando o cluster é útil. 
  • Operadores de ordenação (Sort). 
  • Métodos de join. 
  • Operações de filtragem. 
  • Operações de concatenação. 
  • Operações de conjunto. 
  • Operador de Result Cache. 

5. Interpretando os Planos de Execução

  • O que é um plano de execução? 
  • Visualizando o plano de execução. 
  • O comando Explain Plan. 
  • O uso da Plan Table. Autotrace. 
  • A view V$SQL_PLAN. 
  • AWR. 
  • Gerenciando o AWR com PL/SQL. 
  • As view mais importantes de AWR. 
  • Monitorando um SQL. 
  • SQL Monitoring Report. 
  • Interpretando um plano de execução. 

6. Estatísticas do Optimizer

  • Tipos de estatística do Optimizer. 
  • As views DBA_TAB_STATISTICS, DBA_IND_STATISTICS eDBA_TAB_COL_STATISTICS. 
  • Fator de clusterização de um índice. 
  • O conceito de Histograma. 
  • Histogramas de Frequência. 
  • Visualizando os histogramas. 
  • Histograma balanceado na altura. 
  • Considerações gerais sobre histogramas. 
  • Estatísticas Multicolunas. 
  • Estatísticas de Expressões. 
  • Coletando estatísticas do sistema. 
  • Como coletar estatísticas manualmente. 
  • O que é o Optimizer Dynamic Sampling. 
  • Bloqueando as estatísticas. 

7. Utilizando variáveis do tipo Bind

  • Compartilhamento de cursores versus o uso de literais. 
  • Uso de variáveis bind no SQL*Plus. 
  • Variáveis bind no Enterprise Manager. 
  • Bind Variable Peeking. 
  • Melhorias no compartilhamento de cursores. 
  • O parâmetro CURSOR_SHARING. 
  • Adaptive Cursor Sharing. 

8. Utilizando Hints

  • O que são os hints? 
  • Visão geral dos hints. 
  • Tipos de hint. 
  • Codificando os hints. 
  • Regras para uso dos hints. 
  • Sintaxe dos hints. 
  • Categorias de hints. 
  • Metas da otimização. 
  • Hints  de trajetórias de acesso (Access Paths). 
  • Hints para transformação de queries (Query Transformation). 
  • Hints para sequência dos joins (Join Order). 
  • Outros tipos de hint. 

9. Gerando trace para aplicações

  • O desafio da geração de trace no ambiente Internet. 
  • Localizando os arquivos de trace no Oracle. 
  • O conceito de Serviço. 
  • Uso de serviços com aplicação cliente/servidor. 
  • Gerando trace associado ao serviço. 
  • Utilizando Enterprise Manager para gerar trace de serviços. 
  • Gerando trace para uma sessão específica. 
  • Gerando trace para sua própria sessão. 
  • Utilitário trcsess. 
  • Analizando o conteúdo de um arquivo de trace SQL. 
  • Utilitário TKPROF.

10. Automatic SQL Tuning

  • Desafios enfrentados em um tuning de aplicação. 
  • Visão geral do SQL Tuning Advisor. 
  • Estatísticas de objetos. 
  • Ausência de estatística. 
  • Estatística desatualizada. 
  • Criação de SQL profiles. 
  • Análise da Access Path. 
  • Análise da estrutura de um SQL. 
  • Modêlo de uso do SQL Tuning Advisor. 
  • Visão geral do SQL Access Advisor.

 

 


RECEBA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O CURSO
Combo Oracle DBA + Tuning




 

 

CALENDÁRIO

Cursos em Destaque

QUER OFERTAS EXCLUSIVAS?
Cadastre-se aqui e receba as novidades e descontos especiais.
Política de Privacidade